Em nova carga, Bolsonaro cita inquérito da PF: hacker teria invadido sistema e TSE saberia do caso

  • Icon instagram_blue
  • Icon youtube_blue
  • Icon x_blue
  • Icon facebook_blue
  • Icon google_blue

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez um discurso na Rádio Jovem Pan de São Paulo, na noite desta quarta-feira (4), em nova carga contra o sistema de votação do Brasil. Ao lado do deputado Federal Filipe Barros (PSL), relator da Proposta de Emenda à Constituição do voto impresso, disse ter provas de irregularidades nos […]

POR Redação SRzd04/08/2021|5 min de leitura

Em nova carga, Bolsonaro cita inquérito da PF: hacker teria invadido sistema e TSE saberia do caso

Jair Bolsonaro. Foto: Reprodução do YouTube

| Siga-nos Google News

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez um discurso na Rádio Jovem Pan de São Paulo, na noite desta quarta-feira (4), em nova carga contra o sistema de votação do Brasil.

Ao lado do deputado Federal Filipe Barros (PSL), relator da Proposta de Emenda à Constituição do voto impresso, disse ter provas de irregularidades nos mecanismos que envolvem as urnas eletrônicas do Tribunal Superior Eleitoral.

Segundo Bolsonaro, que disse ter tido conhecimento de um inquérito da Polícia Federal há poucas horas, o processo relata o caso de um hacker que teria conseguido acessar o “coração” do sistema.

O presidente informou que vai disponibilizar o inquérito de 210 páginas da PF. O documento teria registro de que o hacker haveria conseguido a senha de um servidor do TSE e navegado pelos arquivos por meses, partindo de um endereço eletrônico do Panamá. Ainda de acordo com Bolsonaro e o parlamentar, o TSE teria conhecimento do inquérito e reconhecido a falha e o acesso aos arquivos, mas apagou o “caminho” por onde o hacker passou.

+ Eleições 2022: vídeo do TSE rebate fake news sobre urna eletrônica

+ Bolsonaro se torna investigado em inquérito do STF

O invasor teria conseguido coletar código-fonte completo usado nas eleições de 2018, listas de arquivos e conteúdo de documentos. Também teria tido acesso a chaves e credenciais de acesso a servidores.

Ainda segundo Bolsonaro e Barros, a investigação da PF contém uma avaliação apresentada por Giussepe Janino, Secretário de Tecnologia da Informação do TSE, e que o acesso a estes dados tem diferentes graus de importância. O manual do QR Code, por exemplo, já é de domínio público e está disponível na internet. As senhas acessadas pelo hacker permitem fazer alterações de dados de partidos e candidatos, mas isso só seria possível de ser feito na eleição suplementar da cidade de Aperibé, no Rio de Janeiro. O TSE ainda não se manifestou.

+ Governo anuncia Auxílio Brasil no lugar do Bolsa Família durante posse de Ciro Nogueira

+ BC: taxa básica de juros sobe 1%

+ Bolsa tem queda de 1,44%; veja cotação de 4 de agosto

+ Brasil ultrapassa marca de 20 milhões de casos de Covid-19

+ CPI avança pouco em dia de oitiva de militar da reserva

+ Crueldade sem fim: polícia acha caderno com frases chocantes escritas pelo pequeno Miguel

+ RO: ex-miss Vanessa Lays morre aos 21 anos

+ PTB de Roberto Jefferson ingressa com notícia-crime contra Randolfe

+ China adota confinamento após surto de variante Delta

+ ES: jovem mata os pais e cena do crime choca PM; ‘Macabro’

+ Nova pesquisa para presidente aponta Lula como favorito em 2022

+ Vídeo: homem se atrapalha na hora da vacina; ‘Fora SUS’ ou ‘Fora Bolsonaro’?

+ Pai de jovem que morreu aos 16 anos faz alerta sobre o uso da web

+ RN: pesquisa indica Lula em 1º com 42,53%

+ Cid Moreira rompe silêncio e fala sobre acusações de filhos pela 1ª vez; assista

+ SP: Ribeirão Preto abre vagas para concurso com salários de até R$ 5,9 mil

+ Curtinhas: jornalista do grupo Globo; ‘Bolsonaro é o pior que já conheci’

+ Ouro de Ana Marcela bate o recorde dos Jogos; veja a audiência de 3 de agosto

+ Brasil está 16º na classificação geral; veja o quadro de medalhas

+ Em campanha pelo Dia do Pais, Thales fala de preconceito; assista

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez um discurso na Rádio Jovem Pan de São Paulo, na noite desta quarta-feira (4), em nova carga contra o sistema de votação do Brasil.

Ao lado do deputado Federal Filipe Barros (PSL), relator da Proposta de Emenda à Constituição do voto impresso, disse ter provas de irregularidades nos mecanismos que envolvem as urnas eletrônicas do Tribunal Superior Eleitoral.

Segundo Bolsonaro, que disse ter tido conhecimento de um inquérito da Polícia Federal há poucas horas, o processo relata o caso de um hacker que teria conseguido acessar o “coração” do sistema.

O presidente informou que vai disponibilizar o inquérito de 210 páginas da PF. O documento teria registro de que o hacker haveria conseguido a senha de um servidor do TSE e navegado pelos arquivos por meses, partindo de um endereço eletrônico do Panamá. Ainda de acordo com Bolsonaro e o parlamentar, o TSE teria conhecimento do inquérito e reconhecido a falha e o acesso aos arquivos, mas apagou o “caminho” por onde o hacker passou.

+ Eleições 2022: vídeo do TSE rebate fake news sobre urna eletrônica

+ Bolsonaro se torna investigado em inquérito do STF

O invasor teria conseguido coletar código-fonte completo usado nas eleições de 2018, listas de arquivos e conteúdo de documentos. Também teria tido acesso a chaves e credenciais de acesso a servidores.

Ainda segundo Bolsonaro e Barros, a investigação da PF contém uma avaliação apresentada por Giussepe Janino, Secretário de Tecnologia da Informação do TSE, e que o acesso a estes dados tem diferentes graus de importância. O manual do QR Code, por exemplo, já é de domínio público e está disponível na internet. As senhas acessadas pelo hacker permitem fazer alterações de dados de partidos e candidatos, mas isso só seria possível de ser feito na eleição suplementar da cidade de Aperibé, no Rio de Janeiro. O TSE ainda não se manifestou.

+ Governo anuncia Auxílio Brasil no lugar do Bolsa Família durante posse de Ciro Nogueira

+ BC: taxa básica de juros sobe 1%

+ Bolsa tem queda de 1,44%; veja cotação de 4 de agosto

+ Brasil ultrapassa marca de 20 milhões de casos de Covid-19

+ CPI avança pouco em dia de oitiva de militar da reserva

+ Crueldade sem fim: polícia acha caderno com frases chocantes escritas pelo pequeno Miguel

+ RO: ex-miss Vanessa Lays morre aos 21 anos

+ PTB de Roberto Jefferson ingressa com notícia-crime contra Randolfe

+ China adota confinamento após surto de variante Delta

+ ES: jovem mata os pais e cena do crime choca PM; ‘Macabro’

+ Nova pesquisa para presidente aponta Lula como favorito em 2022

+ Vídeo: homem se atrapalha na hora da vacina; ‘Fora SUS’ ou ‘Fora Bolsonaro’?

+ Pai de jovem que morreu aos 16 anos faz alerta sobre o uso da web

+ RN: pesquisa indica Lula em 1º com 42,53%

+ Cid Moreira rompe silêncio e fala sobre acusações de filhos pela 1ª vez; assista

+ SP: Ribeirão Preto abre vagas para concurso com salários de até R$ 5,9 mil

+ Curtinhas: jornalista do grupo Globo; ‘Bolsonaro é o pior que já conheci’

+ Ouro de Ana Marcela bate o recorde dos Jogos; veja a audiência de 3 de agosto

+ Brasil está 16º na classificação geral; veja o quadro de medalhas

+ Em campanha pelo Dia do Pais, Thales fala de preconceito; assista

Notícias Relacionadas

Ver tudo