A Utopia mais atual do que nunca de Silvio Tendler

  • Icon instagram_blue
  • Icon youtube_blue
  • Icon x_blue
  • Icon facebook_blue
  • Icon google_blue

Silvio Tendler é diretor de diversos filmes, dentre eles “Marighella – Retrato falado do guerrilheiro” (curta-metragem de 1999); “Castro Alves” (1999); “Milton Santos – O mundo global visto do lado de cá” (curta de 2000); “JK: o menino que sonhou um país” (2002) e “Glauber – O filme, labirinto do Brasil” (2003).

POR Redação SRzd25/06/2006|2 min de leitura

A Utopia mais atual do que nunca de Silvio Tendler
| Siga-nos Google News

Os movimentos de contracultura, as lutas por independência nas antigas colônias africanas e asiáticas, a América Latina sitiada por ditaduras militares são alguns dos temas abordados pelo cineasta e documentarista Silvio Tendler em “Utopia e Barbárie”, que será exibido, no dia 29 de junho, no Auditório Macunaíma, Campus do Gragoatá, Bloco B, sala 405, São Domingos, Niterói. O filme é o primeiro da mostra “Utopia Trilogia Silvio Tendler”, que inclui a exibição de mais dois filmes: “Os Anos JK” e “Jango”, nos dias 20 e 26 de julho, respectivamente. A entrada é franca.

A mostra faz parte do projeto “República das Imagens”, uma iniciativa do Instituto de Arte e Comunicação Social (IACS), realizada em parceria com a Pró-Reitoria de Assuntos Acadêmicos (Proac), por meio da Subcoordenadoria de Apoio à Prática Discente.

Estão programadas duas sessões para cada filme: a primeira às 16h30, e a segunda, às 18h30. Haverá um debate logo após a última sessão, com participação do cineasta Silvio Tendler e dos professores da UFF Daniel Aarão Reis (História) e Roberto Moura (Cinema e Vídeo). A coordenação do debate é da professora Lívia Reis, do Instituto de Letras.

De acordo com o coordenador-geral do evento, Almir Miranda da Silva, a idéia é trazer a comunidade para debater cinema na UFF, além de familiarizar o público não só com a produção cinematográfica nacional, mas também com o que é produzido pelos alunos do curso de Cinema e Vídeo da universidade.

Silvio Tendler é diretor de diversos filmes, dentre eles “Marighella – Retrato falado do guerrilheiro” (curta-metragem de 1999); “Castro Alves” (1999); “Milton Santos – O mundo global visto do lado de cá” (curta de 2000); “JK: o menino que sonhou um país” (2002) e “Glauber – O filme, labirinto do Brasil” (2003).

Notícias Relacionadas

Ver tudo
Brasil
Galpão de alegorias do Caprichoso recebe imagem peregrina de Nossa Senhora do Carmo

Festival de Parintins. Em um momento de fé e devoção, a imagem peregrina de Nossa Senhora do Carmo visitou, nos últimos dias, os trabalhadores do Galpão Central de Alegorias do Boi-Bumbá Caprichoso. A padroeira de Parintins foi recebida com emoção por artistas, diretores e conselheiros de arte, todos devotos da Virgem do Carmelo. O artista […]

Galpão de alegorias do Caprichoso recebe imagem peregrina de Nossa Senhora do Carmo

2 min de leitura

Brasil
Ronaldinho surpreende torcida ao falar da Seleção Brasileira

Eita! Ronaldinho surpreendeu a torcida canarinho e disse que vai abandonar a Seleção Brasileira. O ex-atacante disse que não vai acompanhar os jogos do Brasil na Copa América, este ano. Segundo ele, está faltando tudo! Ronaldinho Gaúcho foi pentacampeão mundial com a seleção em 2002, último título conquistado pelo país em mundiais e é considerado […]

Ronaldinho surpreende torcida ao falar da Seleção Brasileira

1 min de leitura

Brasil
Boi Garantido inicia translado de alegorias para o Bumbódromo; veja fotos

Festival de Parintins 2024. O Boi-Bumbá Garantido iniciou o translado das alegorias que comporão o espetáculo na arena do Bumbódromo nas três noites do Festival Folclórico de Parintins em 2024. A operação iniciou com salva de fogos de artifícios durante todo o trajeto, uma forma de anunciar que a festa vai começar. Os primeiros módulos […]

Boi Garantido inicia translado de alegorias para o Bumbódromo; veja fotos

3 min de leitura

Brasil
Parintins: TV A Crítica exibe editorial após Globo ficar de fora da transmissão

Festival de Parintins 2024. A festa na ilha do Amazonas está cada vez mais próxima. No último final de semana de junho, dias 28, 29 e 30, os bois-bumbás Caprichoso e Garantido disputarão o título de campeão da 57ª edição do festival. E mesmo antes do espetáculo, o Festival já ganhou o noticiário nacional. Acontece […]

Parintins: TV A Crítica exibe editorial após Globo ficar de fora da transmissão

4 min de leitura