Copacabana receberá Pan 2007 de cara nova

  • Icon instagram_blue
  • Icon youtube_blue
  • Icon x_blue
  • Icon facebook_blue
  • Icon google_blue

Orla da zona sul ganhará 64 novos quiosques.

POR Redação SRzd12/09/2006|3 min de leitura

Copacabana receberá Pan 2007 de cara nova
| Siga-nos Google News

A empresa Orla Rio, responsável pelos quiosques nas praias da cidade, anunciou nesta terça-feira a construção de 20 novas unidades na orla entre Copacabana e Leme. Os novos quiosques seguirão o modelo dos já inaugurados Bar Luiz, Cafeteria Nestlé, Pizzaria Rainbow e Caroline Café.

Com a novidade, saem ganhando o bairro, que tem uma das praias mais conhecidas e visitadas do mundo; a cidade, com novos serviços de atendimento qualificado ao público; a prefeitura, que incrementa a arrecadação de impostos; e a população em geral, que vai dispor de novas unidades na praia para fazer refeições ou simplesmente apreciar a vista bebericando com os amigos. Juntas, as praias do Leme e Copacabana ocupam uma extensão de 4,15 km e costumam ser freqüentadas tanto de dia quanto à noite por milhares de cariocas e turistas.

Nessa primeira etapa, os quiosques serão construídos entre os postos 5 e 6; próximo à rua Bolivar; entre a Constante Ramos e a Santa Clara; na altura das ruas Siqueira Campos e Paula Freitas; em frente ao posto 3; entre a avenida Princesa Isabel e a rua Antônio Vieira; e no início do Leme.

“Até o início dos Jogos Pan Americanos de 2007 (em julho), 64 unidades estarão em funcionamento”, garante João Marcello Barreto, vice-presidente da Orla Rio.

A empresa promete também investir na revitalização dos 309 quiosques da orla carioca. O montante será de R$ 200 milhões. O projeto é uma Parceria Público Privada que vai sair a custo zero para a prefeitura do Rio e deverá render R$ 88 mil mensais de aluguel e participação de 5% nos contratos comerciais.

Quiosques high tech

Os novos quiosques, assim como os que já estão em funcionamento em Copacabana (desenhados pelo arquiteto Luiz Eduardo Índio da Costa), terão estruturas circulares metálicas, com tons futurísticos, e envoltos por vidro, uma solução para não esconder a bela vista do mar. Dispõem ainda de banheiros e duchas. Cada par de quiosques custa em torno de R$ 1 milhão, incluindo os dois bangalôs, o deque comum de fibra sobre a areia e uma estrutura subterrânea para a cozinha e o estoque. Os deques suspensos sobre a areia dão espaço para as mesinhas, o que deixa os calçadões mais livres. O objetivo do projeto é mudar a orla da Cidade Maravilhosa para os Jogos Pan-Americanos de 2007.

Mudanças nos quiosques aumentam faturamento

Desde 1999, a Orla Rio é responsável pela exploração comercial dos 309 quiosques, entre Leme e Prainha, com exceção da Eco Orla (Reserva) e Macumba. Entre novembro de 2005 e fevereiro deste ano, foram inaugurados quatro novos quiosques em frente ao Copacabana Palace: uma filial do Bar Luiz, uma franquia da Cafeteria Nestlé, uma filial do Caroline Café e a Pizzaria Rainbow. Dois quiosques permaneceram com os antigos proprietários e apresentaram aumentos de até 300% no faturamento mensal. O número de funcionários aumentou sete vezes.

Notícias Relacionadas

Ver tudo