Pátio da Prefeitura do Rio vai virar palco de desfile de moda africana

  • Icon instagram_blue
  • Icon youtube_blue
  • Icon x_blue
  • Icon facebook_blue
  • Icon google_blue

Na véspera do Dia da Consciência Negra, a Secretaria Especial da Juventude (JUVRio) realizará um desfile de moda no pátio da sede da Prefeitura do Rio de Janeiro, na Cidade Nova. A partir das 9h desta sexta-feira (19), cerca de dez jovens modelos moradores de comunidades do Rio irão apresentar grifes nacionais da moda floral […]

POR Redação SRzd19/11/2021|2 min de leitura

Pátio da Prefeitura do Rio vai virar palco de desfile de moda africana

Sede da Prefeitura do Rio. Foto: Bernardo Cordeiro/JUVRio

| Siga-nos Google News

Na véspera do Dia da Consciência Negra, a Secretaria Especial da Juventude (JUVRio) realizará um desfile de moda no pátio da sede da Prefeitura do Rio de Janeiro, na Cidade Nova.

A partir das 9h desta sexta-feira (19), cerca de dez jovens modelos moradores de comunidades do Rio irão apresentar grifes nacionais da moda floral da África no Centro Administrativo São Sebastião (CASS). A ação tem como objetivo promover na agenda do Novembro Negro 2021 da Prefeitura, o debate e o resgate da cultura afro-brasileira entre os jovens do município.

Além do desfile, a JUVRio oferecerá até dezembro ações relacionadas à política antirracista da secretaria, uma oficina de tranças e um passeio cultural pelos pontos históricos da cultura afro-brasileira na cidade. O desfile, aberto aos visitantes e servidores da Prefeitura do Rio, trará a coleção das grifes UseVigs, Comunidade Fashion juntamente com a RFModas. O CASS fica na Rua Afonso Cavalcanti, 455, Cidade Nova.

Oficina de tranças

Seguem abertas as inscrições na oficina de Técnicas e Práticas de Tranças em parceria com o projeto Donna Barbosa. Nos próximos dias 22, 29 de novembro e 6 de dezembro a Casa da Juventude da Pavuna abrirá as portas para oferecer 20 vagas a jovens de 15 a 29 anos. A inscrição pode ser realizada pelo link: abre.ai/inscricao-oficinas-de-trancista.

Passeio cultural pela “Pequena África”

Ao longo de 12 dias de novembro, jovens de diferentes regiões periféricas do município foram convidados pela JUVRio a fazer um passeio cultural pelos pontos históricos da cultura afro-brasileira, uma ação mobilizada pela JUVRio e realizada pela Coordenadoria Executiva de Promoção da Igualdade Racial da Prefeitura do Rio (CEPIR) em parceria com o Instituto Pretos Novos.

O percurso da herança africana na cidade do Rio contempla os seguintes marcos histórico-culturais: Cais do Valongo, Pedra do Sal, Jardim Suspenso do Valongo, Largo do Depósito, Cemitério dos Pretos Novos e Centro Cultural José Bonifácio.

Na véspera do Dia da Consciência Negra, a Secretaria Especial da Juventude (JUVRio) realizará um desfile de moda no pátio da sede da Prefeitura do Rio de Janeiro, na Cidade Nova.

A partir das 9h desta sexta-feira (19), cerca de dez jovens modelos moradores de comunidades do Rio irão apresentar grifes nacionais da moda floral da África no Centro Administrativo São Sebastião (CASS). A ação tem como objetivo promover na agenda do Novembro Negro 2021 da Prefeitura, o debate e o resgate da cultura afro-brasileira entre os jovens do município.

Além do desfile, a JUVRio oferecerá até dezembro ações relacionadas à política antirracista da secretaria, uma oficina de tranças e um passeio cultural pelos pontos históricos da cultura afro-brasileira na cidade. O desfile, aberto aos visitantes e servidores da Prefeitura do Rio, trará a coleção das grifes UseVigs, Comunidade Fashion juntamente com a RFModas. O CASS fica na Rua Afonso Cavalcanti, 455, Cidade Nova.

Oficina de tranças

Seguem abertas as inscrições na oficina de Técnicas e Práticas de Tranças em parceria com o projeto Donna Barbosa. Nos próximos dias 22, 29 de novembro e 6 de dezembro a Casa da Juventude da Pavuna abrirá as portas para oferecer 20 vagas a jovens de 15 a 29 anos. A inscrição pode ser realizada pelo link: abre.ai/inscricao-oficinas-de-trancista.

Passeio cultural pela “Pequena África”

Ao longo de 12 dias de novembro, jovens de diferentes regiões periféricas do município foram convidados pela JUVRio a fazer um passeio cultural pelos pontos históricos da cultura afro-brasileira, uma ação mobilizada pela JUVRio e realizada pela Coordenadoria Executiva de Promoção da Igualdade Racial da Prefeitura do Rio (CEPIR) em parceria com o Instituto Pretos Novos.

O percurso da herança africana na cidade do Rio contempla os seguintes marcos histórico-culturais: Cais do Valongo, Pedra do Sal, Jardim Suspenso do Valongo, Largo do Depósito, Cemitério dos Pretos Novos e Centro Cultural José Bonifácio.

Notícias Relacionadas

Ver tudo
Abin espionou autoridades do Judiciário, do Legislativo e jornalistas; veja nomes

Investigação da Policia Federal aponta que agentes lotados na Agência Brasileira de Inteligência (Abin) utilizaram ferramentas de espionagem adquiridas pelo órgão para monitorar os movimentos de autoridades do Judiciário, do Legislativo e da Receita Federal, além de personalidades públicas, como jornalistas. Os atos irregulares teriam ocorrido durante o governo de Jair Bolsonaro. O resultado das […]

Abin espionou autoridades do Judiciário, do Legislativo e jornalistas; veja nomes

8 min de leitura