Emerson Dias fala sobre sua estreia como intérprete oficial em São Paulo

  • Icon instagram_blue
  • Icon youtube_blue
  • Icon x_blue
  • Icon facebook_blue
  • Icon google_blue

Emerson Luiz de Castro, mais conhecido como Emerson Dias vai cantar no Carnaval de São Paulo de 2025. Ele fará sua estreia como intérprete oficial pela Mocidade Unida da Mooca, agremiação que será a segunda a desfilar no domingo, dia 2 de março, pelo Grupo de Acesso 1, no Sambódromo do Anhembi. Em entrevista ao […]

POR Redação SRzd27/05/2024|3 min de leitura

Emerson Dias fala sobre sua estreia como intérprete oficial em São Paulo
| Siga-nos Google News

Emerson Luiz de Castro, mais conhecido como Emerson Dias vai cantar no Carnaval de São Paulo de 2025. Ele fará sua estreia como intérprete oficial pela Mocidade Unida da Mooca, agremiação que será a segunda a desfilar no domingo, dia 2 de março, pelo Grupo de Acesso 1, no Sambódromo do Anhembi.

Em entrevista ao repórter Guilherme Queiroz, para o SRzd, durante o evento que definiu a ordem dos desfiles do próximo ano, o cantor, que também atuará pela Botafogo Samba Clube, no Rio, lembrou a primeira passagem por São Paulo em 2004 e usou o termo “casamento perfeito” ao falar de sua acolhida na agremiação liderada por Rafael Falanga (assista na íntegra):

Carreira

Carismático e muito requisitado em eliminatórias de samba-enredo, Emerson iniciou sua trajetória no Carnaval como diretor de tamborim na Lins Imperial. Seus primeiros passos como cantor foi na escola mirim Alegria da Passarela (a atual Aprendizes do Salgueiro) como apoio do intérprete Leonardo Bessa, em 1991.

Em sua carreira premiada, onde também é autor de vários sambas, contabiliza passagens marcantes pela Grande Rio e Salgueiro, onde atuou nos últimos seis anos como voz principal. Também já cantou em desfiles nos Carnavais de Uruguaiana, Porto Alegre, Guaíba e Guaratinguetá.

Emerson Dias. Foto: SRzd – Fábio Capeleti
Emerson Dias. Foto: SRzd – Fábio Capeleti

Mocidade Unida da Mooca

Sétima colocada na classificação final do Grupo de Acesso 1 de 2024, A “MUM”, como é carinhosamente apelidada, apresentou o enredo “Oyá Helena”, que enalteceu a história de uma das principais intelectuais do Brasil: Helena Theodoro, pioneira e visionária sobre a cultura do povo preto. Clique aqui para ver como foi o desfile.

Desde que subiu para o Grupo de Acesso 1 de São Paulo, a escola conquistou um quinto lugar, em 2019, e ficou na quarta colocação em três Carnavais consecutivos, 2020, 2022 e 2023.

Primeiro indígena eleito para ocupar uma cadeira na Academia Brasileira de Letras (ABL) em mais de 120 anos desde a sua fundação, o ambientalista, filósofo, poeta e escritor Ailton Krenak será enredo para 2025. O projeto é desenvolvido pelo carnavalesco Renan Ribeiro, que fará sua estreia na agremiação.

Será a primeira vez que a MUM, em seus 37 anos, abordará a temática indígena. O samba-enredo será composto por um grupo de compositores escolhidos pela diretoria da verde, vermelha e branca, seguindo o mesmo modelo adotado nos anos anteriores.

Leia também:

+ Público já pode comprar ingressos para o Carnaval de São Paulo 2025

+ Novo modelo para definir ordem de desfiles no Carnaval de SP veio pra ficar?

+ Carnaval de São Paulo: veja a ordem dos desfiles no Anhembi em 2025

Notícias Relacionadas

Ver tudo